PESQUISE NO BLOG

 

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

CORPO DE MULHER SUPOSTAMENTE ESTUPRADA E MORTA A PEDRADAS FOI ENCONTRADO EM ITAPETINGA





A suspeita principal é que a jovem tenha sido estuprada e morta a pedradas, pelas características que o corpo apresentava. Porém o Delegado de Polícia Civil ELDER NOGUEIRA disse não poder, ainda, afirmar as causas nem se realmente houve um homicídio: “Só após a realização da perícia é que poderemos afirmar o que houve.”


Há cerca de uma semana várias ligações foram realizadas para a Polícia Civil e Militar informando sobre o corpo de uma mulher que havia sido assassinada no Grotão. As policias realizaram várias buscas na localidade, com o apoio de populares, porém nada foi encontrado. Na época suspeitou-se de trotes.


Na manhã desse domingo (18) mais uma vez a Polícia foi informado sobre o corpo que havia no Grotão, porém uma testemunha aguardou os policiais e informou com precisão a localidade em que se encontrava o corpo da mulher, sendo de imediata realizada a perícia no local pelo Delegado de Polícia Civil ELDER GOULART NOGUEIRA, com o apoio dos Policiais Civis Paulo, dos escrivões Tuca e Bispo, dos PMS Gean Correia Leite e Adriano e do agente de necropsias Bruno.


O corpo apresentava sinais de que havia sofrido um grande impacto no crânio, com parte da mandíbula da mulher esfacelada. Encontrou-se em uma pedra na localidade marcas de sangue. A calcinha da jovem se encontrava rasgada e jogada de lado, suspeitando-se de que a mesma tenha sido estuprada e morta com pedradas na cabeça. As peles do rosto, de parte do corpo e seus cabelos foram arrancadas ou mesmo comidas por urubus. Suspeita-se que a mulher seja rastafári, diante de inúmeras tranças rastas encontradas no local.

FONTE: ITAPETINGA AGORA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário